Payfac

Matera | Criando um ecossistema completo para ampliar a fonte de receita da empresa

Conheça as melhores práticas para aumentar a receita em vendas para estabelecimentos comerciais


Estar atento às oportunidades do mercado e trazer inovações pensando na receita da empresa é fundamental para a saúde do negócio, seja ele de qual segmento for. Quando se fala em relacionamento com estabelecimentos comerciais, é preciso gerar uma boa experiência para toda a cadeia envolvida no processo, pois isso garante operações bem-sucedidas de ambos os lados.
 
Com as inovações do mercado, a tendência nos dias de hoje é agregar serviços financeiros a não financeiros, permitindo um leque de oferta de diferentes soluções. Dessa forma, players de setores que produzem e distribuem produtos geram receita a partir das transações desse ecossistema. Continue a leitura e veja 3 formas de fazer isso com sucesso!

Oportunidades para gerar receita 

Com a transformação digital e as constantes inovações do mercado financeiro, as empresas que têm relacionamento direto com o consumidor vêm buscando novas soluções que otimizem sua gestão financeira e facilitem o processo burocrático de recebimento e pagamento de mercadoria. Ou seja, existe uma grande oportunidade de mercado para empresas que queiram ofertar soluções financeiras com as especificidades necessárias para este público. Essas empresas não precisam ser bancos e as que já são fornecedoras deste setor, como indústria e distribuidoras, saem na frente por já ter relacionamento e a confiança dos estabelecimentos.
 
Conheça algumas oportunidades de aumento de receita tendo como clientes os estabelecimentos comerciais: 

1. Adesão ao fenômeno da fintechzação

Operações mais seguras, flexíveis e com e fluxos de pagamentos simplificados são alguns dos benefícios que podem ser alcançados pelos estabelecimentos comerciais a partir  da fintechzação de seus fornecedores. Essa tendência que vem crescendo exponencialmente permite que instituições de diversos segmentos gerem receita extra a partir da oferta de produtos e serviços financeiros, ganhando por cada transação feita
 
Agregar os serviços de uma fintech ao business original possibilita que a instituição ofereça para o cliente sua própria conta digital, Pix, cartão de débito e maquininha, por exemplo. Assim, dá para dispensar os intermediários e rentabilizar uma cadeia de valor já consolidada. A melhor maneira de tirar esse projeto do papel é investindo em uma solução BaaS (Banking as a Service) com o auxílio de parceiros que sejam referência na área.
 


2. Oferta de um ecossistema completo de serviços

Montar uma fintech do zero é custoso e desafiador. Nesse sentido, as instituições que vêm aderindo ao fenômeno da fintechzação contam com as soluções BaaS para ofertar estes serviços em tempo recorde, sem se preocupar em criar uma estrutura do zero. Dessa forma, elas poderão oferecer um ecossistema completo de serviços aos estabelecimentos comerciais, lucrando com as novas oportunidades do mercado financeiro, a exemplo do Pix.
 
Essas soluções inovadoras ainda contribuem para a fidelização dos estabelecimentos porque, como vimos, estes também saem ganhando com a aquisição. Isso porque, com um leque maior de serviços, poderão oferecer uma melhor experiência aos consumidores, como a disponibilização do Pix e de suas funcionalidades agregadas, como o Pix Saque e Pix Troco. Além disso, têm acesso a taxas mais atrativas e melhores oportunidades de crédito. 

3. Atenção às oportunidades do mercado

Cada vez mais práticos e flexíveis, os novos meios de pagamento chegaram com tudo ao mercado, operando a partir de tecnologias de ponta que otimizam as relações de compra e venda e ajudam a movimentar a economia. A tendência é que as empresas de uma maneira geral passem a centralizar todas as transações financeiras em uma única instituição. Afinal, isso reduz custos operacionais e possibilita um controle mais efetivo, sem falar da desburocratização dos processos tradicionais
 
É por isso que as empresas que produzem e distribuem produtos precisam estar muito atentas a esses fenômenos, de modo a aproveitar as oportunidades do mercado para oferecer uma experiência que contemple as novas demandas.
 
Além de ficarem mais competitivas no mercado, abrem a possibilidade de aumentar a receita da empresa com as taxas personalizadas atreladas às transações financeiras realizadas pelo seu sistema. Ou seja, ao mesmo tempo que geram uma nova fonte de receita, fornecedores, estabelecimentos comerciais e consumidores saem ganhando com serviços mais baratos, diversos e simplificados. O que isso significa? Um ecossistema completo e sem fricções!
 
Com uma solução white label, indústrias e distribuidoras conseguem agregar essas ofertas de um modo simples, rápido e prático. Esse tipo de solução permite que as instituições abram fintechs sem complexidades ou custos elevados de implementação.
 
Tem interesse, mas não sabe por onde começar? Nós podemos ajudar você com uma plataforma sob demanda para as suas necessidades.
 
Fale com um de nossos especialistas e comece a operar sua fintech em tempo recorde!

Similar posts

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Quer saber quais são as últimas notícias do setor em primeira mão? O seu próximo clique tem que ser aqui.