Payfac

Como é possível aumentar lucro tendo como clientes os estabelecimentos comerciais?

Veja como estimular a cadeia de valor entre distribuidores e comércios por meio de soluções que aumentam o lucro sem precisar expandir a clientela


Manter processos eficientes, ágeis e seguros é uma preocupação constante para empresas que produzem e distribuem produtos. É isso que permite aumentar lucro sem necessariamente expandir o número de clientes. Afinal, quando há um bom planejamento estratégico e o investimento em soluções inovadoras, a empresa se mantém competitiva no mercado e segue com uma boa rede de parceiros. Continue a leitura e entenda melhor essa relação! 
 

Como funciona a cadeia de valor entre distribuidores e comércios?

Os processos envolvidos na distribuição são fundamentais para que os produtos cheguem às mãos do consumidor de forma descomplicada e livre de falhas. Nesse sentido, podemos dizer que a cadeia de valor entre distribuidores e comércios começa a ser gerada desde a oferta do produto em questão, passando pela logística de distribuição e chegando aos estabelecimentos comerciais com o máximo de vantagens possíveis.

Por muito tempo, a condição comercial foi o ponto principal para garantir a fidelização do ecossistema, mas hoje os desafios mudaram. Por isso, eles precisam estar assessorados por soluções inovadoras que otimizem esse trabalho, impulsionando a fidelização dos comércios a partir de produtos vantajosos para ambas as partes.

Um exemplo dessa cadeia de valor entre produtores, distribuidores e comércios é a fintechzação das instituições. Ou seja, além dos serviços já ofertados aos clientes, é possível oferecer soluções financeiras e aumentar o seu leque de atuação.  Atualmente, a briga é por uma experiência melhor, e oferecer serviços financeiros é uma possibilidade de tratar todas as dores do cliente em um só lugar. Além de criar um ecossistema completo, surge uma nova possibilidade de receita: as transações financeiras

Essas fronteiras entre serviços financeiros e empresas, seja ela de qual segmento for, estão ficando cada vez mais abertas, o que estimula cadeias de valor mais otimizadas. No caso das fintechs, montá-las se tornou algo bastante convidativo para os negócios, pois traz diversas oportunidades, seja no aumento de receita ou no estreitamento de relação com todo o ecossistema. 

Uma oportunidade para aumentar a receita da sua empresa 

Como sabemos, a tecnologia vem sendo uma das maiores aliadas para entregar soluções de maior valor agregado a todo o ecossistema envolvido no negócio. Trabalhar com soluções automatizadas e diversificar a oferta de serviços por meio dessas soluções é uma das principais maneiras de aumentar a receita sem precisar expandir a clientela. 

Ampliar os serviços oferecidos é uma dica de ouro quando se trata de aumentar lucro nas distribuidoras mantendo o mesmo número de clientes. Essas instituições podem se transformar em fintechs para oferecer aos estabelecimentos comerciais uma série de serviços integrados, como pagamento por Pix, abertura de conta, acesso a crédito, entre outros.
 
Ao possibilitar aos PDVs o pagamento por Pix, por exemplo, as distribuidoras conseguem aumentar lucro sem necessariamente expandir a clientela. Como o Banco Central autoriza as instituições de pagamento a tarifar os estabelecimentos comerciais conforme a taxa mais vantajosa, elas passam a lucrar a cada transação realizada via Pix pelo seu software.

A seguir, listamos alguns benefícios de embarcar nesse modelo de negócio.

Fidelização dos clientes

Os gestores sabem o quanto a fidelização é importante em qualquer processo comercial. Até porque é menos custoso empenhar esforços para manter ativos os clientes que já estão em sua carteira do que para conquistar novos. Mas vale lembrar que esse processo exige inovações constantes para que as necessidades do seu público continuem sendo sanadas, garantindo a melhor experiência possível e agregando não só ao seu negócio, mas também gerando oportunidades para o seu cliente. Assim, ele não terá motivos para buscar a concorrência. 

Responda a concorrência e ameaças com maior facilidade

Aperfeiçoar o relacionamento com os comércios, oferecer soluções customizadas e estar por dentro das inovações do mercado financeiro são excelentes maneiras de blindar as distribuidoras das ameaças de concorrentes. Quando a instituição conhece as demandas do seu público, fica mais fácil se livrar das ameaças. Afinal, como dissemos acima, as soluções ofertadas vão dialogar perfeitamente com o contexto de cada negócio.

Diversificando a oferta de serviços, unindo financeiros e não financeiros, é possível desburocratizar toda a cadeia de valor reduzindo os intermediários envolvidos no processo tradicional e, por consequência, o excesso de taxas. A partir da concentração das contas nos pontos de venda, a instituição passa a ter a oportunidade de iniciar um trabalho de data analytics a partir das informações de compras de produtos, e obter insights  para novas estratégias e inteligência de mercado

Nessa cadeia de valor todos saem ganhando: o estabelecimento comercial poderá oferecer uma nova modalidade de pagamento e gerenciar melhor o fluxo de caixa; os clientes finais terão mais praticidade e flexibilidade nos comércios; e a instituição financeira se transforma em fintech, adquirindo renda extra.
 
Quer saber mais sobre como aumentar lucro ao prestar novos serviços aos seus clientes? Então entre em contato conosco e prepare-se para o futuro!

Similar posts

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Quer saber quais são as últimas notícias do setor em primeira mão? O seu próximo clique tem que ser aqui.